Buscar processo     
Veja aqui o arquivo de videos.
Prefeitura Municipal de Goiânia
Governo do Estado de Goiás
Governo Federal
Sindicato dos Funcionários do Legislativo Goianiense
Acompanhe-nos

Siga-nos no Twitter Acompanhe-nos no YouTube Acompanhe nossas notícias através do nosso RSS Acesse a nossa fanpage
Câmara é reinstalada
          Câmara é reinstalada

          A primeira sede após a volta da Câmara foi à avenida Goiás, antigo prédio do jornal O Popular. A sessão inicial aconteceu no dia 9 de dezembro de 1947.

          Em seus pronunciamentos, os vereadores ressaltaram a importância daquele poder. Para o vereador Alberto Xavier de Almeida (UDN), a instalação da Câmara representou a "última etapa de reconstitucionalização do País".

          Em 1947, o Partido Comunista havia sido cassado e caiu na ilegalidade. Com isso, os militantes da legenda foram obrigados a se filiar em outras agremiações. Na Câmara Municipal de Goiânia, dois vereadores comunistas se viram forçados a se filiar à UDN. Um foi Alberto Xavier de Almeida; o outro, José Nonato. Almeida protestou na ocasião contra o fechamento de jornais e a cassação de mandatos de parlamentares.

Em todo caso, o País se preparava para viver uma nova fase e um clima de redemocratização começava a tomar conta do sentimento brasileiro. Esse clima foi muito bem refletido na recém instalada Câmara Municipal de Goiânia.

          Nas atas das primeiras sessões, constam vários discursos de vereadores que, mesmo não sendo ligados ao comunismo, usavam a tribuna constantemente para protestar contra o fechamento de jornais e a cassação de mandatos de parlamentares e para reiterar a importância dos poderes legislativos.

          Neste clima de euforia, as sessões da 1ª Legislatura foram marcadas por calorosas e acirradas discussões. Os embates na tribuna eram constantes, principalmente entre os vereadores de partidos de direita e os de esquerda.

          Presidente da Câmara Municipal na 1ª Legislatura, Odon de Morais com os vereadores José Fernandes Peixoto, Milton de Souza Mendonça e José Rodrigues Naves Júnior.

          O ex-vereador Odon de Morais lembra que o relacionamento da Câmara com o Executivo era marcado por muitas desavenças. A história deixa transparecer que a Câmara se sentia na obrigação de ser totalmente independente do outro poder. "Os adversários políticos eram inimigos de fato, mas em torno das questões que beneficiavam a comunidade a disputa era deixada de lado", frisa Odon.

Câmara Municipal de Goiânia Av. Goiás, 2001 Setor Central - Goiânia - GO 74.063-900 Fone (62) 3524-4200